Ocorreu um erro neste dispositivo

sábado, 22 de janeiro de 2011

Cozido á Portuguesa

 Eu acho que é impossível falar de gastronomia portuguesa e não falar neste prato delicioso que o nosso Portugal tem á séculos. A receita, com o passar do tempo tem mudado mas, ao mesmo tempo continua igual ao que sempre foi.
 A historia deste prato é bastante simples, antigamente os mais pobres não pussuiam muito dinheiro, como é óbvio, a solução para aproveitar as sobras era por tudo numa panela e cozer até se apurar uma refeição com bastante consistência com fim de lhes dar energia e, provavelmente, aquecerem-se um bocadinho nos dias mais frios. No entanto os mais abonados também apreciavam o prato apesar da sua simplicidade.
 Nos dias de hoje esta linda tradição é saboreada por todas as classes sociais. Mas, apesar desta tradição portuguesa, os seus ingredientes variam, consoante a zona em que é cozinhada. Apesar desse pormenor apresento-vos uma receita que contem uma grande diversidade de ingredientes e por isso achei ser a mais englobante.

Bom proveito



Cozido á Portuguesa


Ingredientes:
  • carne de vaca para cozer;
  • meia galinha;
  • 1 pé de porco, entrecosto, chispe;
  • presunto, chouriço, farinheira, salpicão;
  • toucinho salgado, bacon;
  • orelheira fresca e fumada;
  • couve portuguesa (penca) ou coração;
  • cenouras, batatas, nabos;
  • sal e azeite
Confecção:

Numa panela grande coza em água todas as carnes.
Aquelas que forem salgadas devem ficar de molho umas horas, só depois se podem pôr a cozer.
Regue a água da cozedura com um fio de azeite e tempere a gosto.
Por ordem de cozedura mais rápida, vão-se tirando os enchidos, depois as carnes de porco, e só no fim, depois de bem cozida, a carne de vaca.
Nesta água de cozer as carnes, meta os legumes já mencionados no início.
Quando cozidos, retire a panela do lume, deixando os legumes dentro.
Para servir, corte as carnes, disponha numa travessa com os respectivos legumes.
Acompanha feijão branco cozido, cozido na água dos legumes, e arroz de forno ou branco.

1 comentário: